5 SEGREDOS PARA OUVIR MELHOR O SEU CÔNJUGE

                DICAS DE COMO CONCLUIR BEM SEUS SERMÕES
03/01/2018
COMO COLOCAR EM PRÁTICA OS PLANOS PARA 2018
10/01/2018

 

 

Uma das áreas mais vitais para o sucesso de um casamento é a comunicação.  Quando existe um bloqueio, os problemas começam a surgir e crescem cada vez mais, chegando infelizmente ao estágio muitas das vezes, da separação inevitável.

A Bíblia nos recomenda: “Seja pronto para ouvir e tardio para falar” Tiago 1:9.  Se você deseja melhorar sua comunicação com o seu cônjuge para que o seu casamento seja fortalecido, desenvolva a arte de ouvir.  Para tanto, segue alguns conselhos.

  • NÃO INTERROMPA:

 

Quando o outro estiver falando, não seja descortês ao ponto de cortar a fala do seu interlocutor.  Isso é deselegante e produz um” curto circuito” na comunicação. Você já percebeu as vezes em que você está ouvindo alguém pensando no que você irá falar em seguida?  Isso é péssimo para a comunicação. Significa que você não está ouvindo realmente e está sempre disposto a interromper a fala do outro. Corrija isso!

 

  • FAÇA PERGUNTAS:

 

Para que você entenda o que seu cônjuge está falando, faça perguntas.  Elas tem o poder de provocar o outro a falar de forma mais profunda sobre o assunto em tela. Quando fazemos boas e sábias perguntas podemos receber boas e sábias respostas!

 

  • EVITE O SILÊNCIO COMO CASTIGO:

Principalmente os homens, possuem este hábito. Quando estão chateados acabam optando pelo silêncio como forma de demonstrar sua insatisfação.  Sei que é difícil, mas é preciso abrir o coração, falar de forma objetiva e olhando nos olhos o que não lhe agrada. Às vezes, o silêncio é uma atitude sábia até que o casal esteja pronto para o diálogo. Mas nunca o use como forma de castigar seu cônjuge!

 

  • LEVE EM CONSIDERAÇÃO AS EMOÇÕES:

 

Ira, medo, depressão, desânimo, ansiedade. Todos esses elementos estão presentes as vezes na vida do casal. Não casamos com anjos!  Seu esposo ou sua esposa possuem emoções latentes que você não pode ignorar.  De nada adianta brigar com essas emoções se elas estão lá!  Evite criticar o seu cônjuge por causa daquilo que ele ou ela está sentindo no momento.

 

  • NÃO DÊ CONSELHOS:

 

Se é para ouvir, apenas ouça.  Não tire conclusões precipitadas. Algumas pessoas caem no erro de querer aconselhar o cônjuge e acabam passando uma atitude de prepotência.  A empatia é importante para ouvir. Ouça não somente as palavras, mas também as expressões e os gestos. Coloque-se no lugar do outro. Este é o segredo da inteligência emocional, que na Bíblia chama-se sabedoria. Que Deus de graça a você para seguir esses conselhos e fortalecer os seus relacionamentos!

 

Pastor Ruimar Fonseca

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *